O universal está no meu quintal

com Nair Benedicto
Nair Benedicto

Nair Benedicto, um dos ícones da fotografia brasileira, oferece nesta oficina ferramentas para nortear a concepção, o desenvolvimento e a execução de ensaios fotográficos consistentes, de acordo com a linha de trabalho de cada autor. A partir do verso de Adélia Prado – “o universal está no meu quintal” – ela aborda a dificuldade inicial de definir um tema, a educação do olhar e o desenvolvimento da percepção no dia a dia do fotógrafo e os instrumentos para abrir novos horizontes e estimular a criatividade, com a fruição de múltiplas linguagens artísticas, como literatura, poesia e cinema.

Sem pré-requisitos.

15 vagas

Nair Benedicto – Com mais de 45 anos de carreira, possui um trabalho de forte cunho social, premiado e reconhecido no Brasil e no exterior. Suas obras fazem parte do acervo do MoMA (NY), MAM (SP e RJ), MASP (SP) e Patrimônio Histórico da Cidade de São Paulo. Foi fundadora e coordenadora do Núcleo dos Amigos da Fotografia (NaFoto), onde, por vários anos, realizou a curadoria do Mês Internacional de Fotografia de São Paulo. Entre suas atividades em 2016, estão a curadoria do ciclo expositivo Raízes e asas (mar/2015 a dez/2016); a exposição individual Por debaixo do pano (Casa da Imagem, SP); apresentação do vídeo O prazer é nosso; a palestra Fotografia, gênero e cidadania, no encerramento do Fest POA (onde foi a fotógrafa homenageada); e a palestra no Colloque International Paris Sorbonne sobre a pioneira Agência F.4, da qual é fundadora.